Exames e Medições

Sempre antes da realização da cirurgia para corrigir um Pectus, realizamos algumas medições na tomografia do tórax, na radiografia e também no corpo do paciente (geralmente feita na sala cirúrgica com o paciente deitado e anestesiado). Dessa maneira conseguimos obter os comprimentos e angulações dos Pectus, possibilitando que seja programada uma correção cirúrgica precisa, para obtenção de melhores resultados pós operatórios.

Da mesma maneira, o paciente pode também ser portador de outras doenças como: defeitos na coluna, síndromes e miopatias, associação com doenças cardíacas congênitas, alterações nos músculos peitorais, ou dos músculos abdominais, alterações nas mamas, aumento / elevação das cartilagens e costelas da transição torácico abdominal (região entre o tórax e o abdômen) e doenças genéticas entre outras. Por isso solicitamos alguns exames pré-operatórios que auxiliarão para excluir tais doenças ou no caso de comprovada associação delas, formar uma junta médica e, somente depois, decidir qual será a melhor estratégia cirúrgica para tratar a deformidade.

Em crianças, preferimos solicitar ressonância magnética do tórax para dessa forma evitar a radiação da tomografia.

Ainda em fase de desenvolvimento, estamos avaliando o uso de um scanner 3D do corpo. Assim poderemos fazer mais essa avaliação na consulta pré-operatória.

Sempre em sintonia com as inovações, o Dr. Malucelli participa de diversos simpósios internacionais para discutir novas técnicas e tecnologias que geram melhores resultados e menores efeitos colaterais nas cirurgias do Pectus.

Veja inovações cirúrgicas do Dr. Malucelli